FATOS RELEVANTES PUBLICADOS EM 14/11/2018

BRASIL/POLÍTICA

Bolsonaro anuncia general que assessora presidente do STF como ministro da Defesa

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, anunciou, por meio do Twitter, que indicou para o cargo de ministro da Defesa o general da reserva Fernando Azevedo e Silva

  • Azevedo e Silva foi chefe do Estado-Maior do Exército, passou para a reserva neste ano e atualmente assessora o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli
  • em nota, Toffoli afirmou que disse a Bolosaro que se tratou de “excelente escolha”
  • durante entrevista coletiva concedida em Brasília (DF), o presidente eleito afirmou que a pasta do Trabalho “vai continuar com status de ministério”, não de secretaria
  • após visitar o Superior Tribunal Militar (STM), Bolsonaro disse, referindo-se ao reajuste dos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e procuradora-geral da República, que o presidente da República, Michel Temer, ele sabe o que tem que fazer” e, “se vai fazer, compete a ele”
  • imagem acima de O Presente

 

Vice-presidente eleito afirma a investidores estrangeiros que BR Distribuidora pode ser uma das “cerca de 140 [estatais que] podem ser vendidas” no próximo governo

O vice-presidente eleito, general reformado Hamilton Mourão, declarou, durante videoconferência de 26 minutos para investidores reunidos em evento organizado pelo Bradesco em Nova York (EUA), referindo-se a privatizações de empresas estatais no futuro governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, que a BR Distribuidora “pode ser privatizada também”

  • segundo o diário Valor Econômico, Mourão (que se encontrava em Brasília e falou em inglês) disse que o Brasil tem aproximadamente 150 estatais e “cerca de 140 podem ser vendidas”
  • de acordo com o vice-presidente eleito, as três prioridades do próximo governo nos primeiros 100 dias deverão ser a reforma da Previdência, a reforma tributária e medidas ligadas à segurança
  • imagem acima de Estadão

 

TSE pede que Bolsonaro esclareça “inconsistências” em contas da campanha

O ministro Luís Roberto Barroso, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), intimou a campanha do presidente eleito, Jair Bolsonaro, a prestar esclarecimentos, em até três dias, sobre 23 “inconsistências” na prestação de contas de sua campanha eleitoral

  • de acordo com o portal de notícias G1, as supostas irregularidades foram apontadas por técnicos da Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias (Asepa) do TSE
  • segundo os técnicos do TSE, as inconsistências envolvem indícios de impropriedade (erro formal ou dados inexatos) e indícios de irregularidade (suspeitas na prestação), além da falta de documentos
  • imagem acima de Metro 1

 

Segunda Turma do STF mantém inquéritos que investigam Lula e outras lideranças petistas na Justiça do Distrito Federal

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter na Justiça Federal no Distrito Federal inquérito que apura suposta organização criminosa envolvendo integrantes da cúpula do PT, entre eles os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff

  • segundo o diário O Globo, o caso é conhecido como “quadrilhão do PT” porque se originou de um inquérito no qual integrantes de diversos partidos eram investigados por organização criminosa, mas depois foi dividido por partidos
  • o jornal informa que em setembro do ano passado, antes de deixar o cargo, o então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou ao STF, pelo crime de organização criminosa, além de Lula e Dilma, os ex-ministros da Fazenda Guido Mantega e Antonio Palocci, do Planejamento Paulo Bernardo, de Comunicação Social Edinho Silva, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e a senadora Gleisi Hoffmann, que atualmente ocupa a presidência da agremiação
  • em março deste ano, o relator da Lava Jato, ministro Luiz Edson Fachin, dividiu o processo e enviou a parte dos políticos sem foro privilegiado para a Justiça Federal do Distrito Federal
  • somente Gleisi e o marido, Paulo Bernardo, permaneceram como investigados no Supremo
  • a Procuradoria-Geral da República recorreu para que os fatos sobre os políticos sem foro fossem para a Justiça Federal do Paraná
  • já o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recorreu para continuar a ser julgado pelo STF
  • os ministros rejeitaram os recurso da Procuradoria e da defesa de Lula, mantendo a decisão individual de Fachin
  • imagem acima de BNC Amazonas

 

BRASIL/ECONOMIA

Setor de serviços caiu 0,5% em setembro, informa IBGE

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em setembro passado, o setor de serviços cresceu 0,5% na comparação com o mesmo mês de 2017 (clique aqui)

  • em relação a agosto último, ocorreu variação negativa de 0,3%
  • no acumulado deste ano, o setor decresceu 0,4%, enquanto no acumulado no intervalo de 12 meses encerrado em setembro a queda foi de 0,3%

 

Dólar tem alta de 1,96% e bolsa recua 0,71%

A cotação do dólar comercial para venda encerrou o dia com alta de 1,96% para R$ 3,8287

  • o Índice Bovespa (Ibovespa), que mede o desempenho de ações na B3, a principal bolsa de valores brasileira, fechou o pregão em queda de 0,71% aos 84.914 pontos
  • imagem acima de G1 – Globo.com

 

Movile, companhia de tecnologia de informação, anuncia aporte de 400 milhões de dólares em empresa de entrega de comida iFood

A Movile anunciou nova rodada de investimento, no valor de 400 milhões de dólares, a ser aplicada até o fim do ano que vem no serviço on-line de entrega de comida iFood

  • segundo o diário Valor Econômico, o novo aporte será somado a outros 100 milhões de dólares que a empresa já havia comprometido como investimento no aplicativo
  • de acordo com o jornal, “o novo aporte será feito pelos atuais acionistas da Movile, a sul-africana Naspers e o fundo Innova Capital, e é o maior para uma startup na América Latina, superando os 200 milhões de dólares aportados no aplicativo de transporte brasileiro 99 pela chinesa Didi, pela japonesa Softbank e pelo fundo Riverwood no começo do ano passado”
  • segundo o Valor, a Movile passa a ter aproximadamente 70% de participação no capital do iFood, tendo como sócio o serviço de entregas inglês Just Eat
  • a Movile é, de acordo com a Wikipédia, “uma empresa de venture capital brasileira, com filiais em Campinas, São Paulo e Rio de Janeiro, no Brasil, com operações em vários mercados, como Argentina, Peru, Chile, Colômbia, França, Estados Unidos e México”
  • imagem acima de Olhar Digital

 

MUNDO/POLÍTICA

CNN move ação contra Trump por cassação de credencial de jornalista da emissora

A emissora de TV CNN apresentou a uma corte federal em Washington (EUA) ação contra o presidente Donald Trump e cinco assessores, na qual contesta a decisão do governo de suspender a credencial de imprensa do jornalista Jim Acosta, após uma discussão entre ele e Trump durante entrevista coletiva ocorrida na sede do governo, na quarta-feira da semana passada

  • em comunicado, a emissora diz que “embora o processo seja específico da CNN e de Acosta, isso poderia ter acontecido com qualquer pessoa. Se não fosse contestado, as ações da Casa Branca criariam um perigoso efeito inibidor para qualquer jornalista que cobrisse nossas autoridades eleitas”
  • em nota, o governo americano afirma que a perda da credencial se deve ao fato de Acosta ter tocado de forma agressiva uma auxiliar do governo, que tentou tirar o microfone de sua mão durante a discussão com Trump
  • imagem acima de Gazeta do Povo

 

MUNDO/ECONOMIA

Relatório da Agência Internacional de Energia estima que EUA serão os maiores responsáveis pelo crescimento da produção global de petróleo e gás nos próximos anos

Relatório anual da Agência Internacional de Energia (AIE) estima que a elevação da produção de petróleo e gás natural dos EUA até 2025 poderá representar cerca de metade do crescimento da produção global, devido principalmente à produção de xisto

  • artigo publicado no diário Valor Econômico relata que a projeção da AIE para 2040 indica que, nos próximos seis anos, os EUA responderão por quase 75% do crescimento da produção mundial de petróleo e por 40% da elevação da produção global de gás, nos próximos seis anos
  • de acordo com o artigo, a maior oferta de petróleo americano e a revisão de demanda global estão reduzindo os preços no mercado internacional
  • nesta terça-feira, o barril do tipo Brent teve queda de 6,6% e fechou a 65,47 dólares; e o tipo WTI, fechou a 55,69 dólares o barril, um recuo de 7,1%
  • a AIE estima que a demanda mundial de petróleo crescerá em média 1 milhão de barris/dia até 2025, quando passará a crescer cerca de 250 mil barris/dia ao ano
  • até 2025, o crescimento será puxado pela China, e do fim da década de 2020 até 2040, pela Índia e o Oriente Médio, afirma o relatório
  • imagem acima de Interlusófona

 

MUNDO/CONDIÇÕES DE VIDA

Crimes “de ódio” cresceram 17% nos EUA em 2017

O FBI (a polícia federal dos EUA) divulgou relatório anual sobre crimes considerados como “de ódio” referente a 2017, o qual aponta aumento de 17% em crimes racistas, antissemitas ou homofóbicos, na comparação com 2016

  • segundo o relatório, no ano passado foram denunciados 7.175 ataques por questões de etnia, origem, religião, sexualidade ou condições especiais, ante 6.121 denúncias em 2016
  • a maior alta em relação a 2016 ocorreu com episódios de antissemitismo, com crescimento de 37%; contra muçulmanos, os crimes recuaram 11%; por ódio racial ou étnicos, cresceram 18%; e por questões de sexualidade, houve alta de 5%
  • imagem acima de G1 – Globo.com

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *