FATOS RELEVANTES PUBLICADOS EM 31/07/2018

Sergio Moraes/Reuters Sergio Moraes/Reuters

BRASIL/POLÍTICA

PT discute proposta de novo acordo com PSB para evitar que Ciro Gomes obtenha o apoio formal dos socialistas

O Conselho Consultivo do PT reuniu-se, em São Paulo (SP), e, de acordo com o diário O Estado de S.Paulo, discutiu a possibilidade de não negociar uma coligação nacional com o PSB e passar a ter como objetivo evitar que esse partido se alie formalmente ao candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes (imagem acima, de Sergio Moraes/Reuters), e libere suas lideranças estaduais para que apoiem o candidato a presidente que considerem melhor

  • de acordo com o jornal, “a negociação passa por acordos entre PT e PSB em Pernambuco e Minas Gerais”
  • em Pernambuco, “o PT forçaria a saída de sua pré-candidata, a vereadora Marília Arraes, abrindo caminho para a candidatura à reeleição do governador Paulo Câmara (PSB)”
  • em Minas, “o ex-prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda (PSB) abandonaria a disputa, em favor do petista Fernando Pimentel, que concorre à reeleição”
  • segundo o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, os acordos regionais não foram discutidos entre os dois partidos e “o PT condicionou a retirada da Marília a um acordo nacional”
  • a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), escreveu no Twitter que o partido “não apoiou nem apoiará” a candidatura do presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB), à reeleição
  • de acordo com o diário Valor Econômico, trata-se de reação à decisão do PT do Ceará de não ter candidato ao Senado para facilitar a reeleição de Oliveira e obter apoio do MDB à reeleição do governador petista Camilo Santana

 

Em programa de TV, Bolsonaro afirma que não houve golpe em 1964 e que, se estivesse no DOI-Codi no tempo da Guerra Fria, também torturaria

O pré-candidato do PSL à Presidência da República, deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), disse, durante participação no programa “Roda viva”, da TV Cultura, que “não houve golpe militar em 1964” e que “quem declarou vago o cargo do presidente na época foi o Parlamento”

  • durante o programa, disponibilizado na íntegra por meio do canal oficial no YouTube (clique aqui), Bolsonaro defendeu as atuações dos militares em casos de tortura e também a figura do coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, chefe do DOI-Codi, um dos principais centros de tortura durante a ditadura militar
  • “Abominamos a tortura, mas naquele momento vivíamos na Guerra Fria […] teria agido da mesma maneira se estivesse no lugar deles”, disse o pré-candidato
  • “Vocês [jornalistas participantes do programa] só falam sobre casos da esquerda. Por que não falam sobre o atentado do aeroporto de Guararapes, em que morreu o Edson Regis?”, disse o parlamentar
  • Bolsonaro criticou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de barrar a implementação do voto impresso, afirmou ter mais votos do que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e adiantou que, entre as medidas que pretende implantar no plano econômico se eleito, está a privatização de “boa parte” das estatais brasileiras
  • o candidato voltou a criticar o sistema de cotas para negros nas universidades e defendeu um sistema de meritocracia
  • de acordo com o portal de notícias Poder 360, dos 10 pré-candidatos à Presidência que passaram pelo programa até o momento, a participação de Bolsonaro foi a que obteve maior audiência tanto no YouTube e quanto na TV Cultura
  • imagem acima de Veja

 

Segundo Alckmin, seu vice não será nem paulista nem do PSDB

O pré-candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin (imagem acima, de Ailton de Freitas/Agência O Globo), declarou, durante evento com empresários, realizado em Belo Horizonte (MG), que seu vice será definido “sem correria” até o próximo sábado, quando ocorre a convenção nacional do partido, e que o escolhido não será do PSDB nem de São Paulo

  • de acordo com o diário Valor Econômico, o tucano afirmou que o perfil será de alguém que, como ele, defenda eficiência e redução do Estado
  • Alckmin afirmou também que o apoio de partidos que integram o chamado “Centrão” à sua campanha dará a ele a possibilidade de aprovar reformas caso eleito
  • segundo o Valor, Alckmin afirmou também que sua eleição seria um sinal positivo para a iniciativa privada e que “se nós tivermos o rumo certo na eleição, a bolsa vai passar de cem mil pontos, vai ter investimento no Brasil”

 

Temer declara apoio à pré-candidatura de Meirelles à Presidência

De acordo com o diário O Estado de S.Paulo, o presidente da República, Michel Temer, afirmou, em carta aberta a afiliados e dirigentes do MDB, enviada por meio do aplicativo WhatsApp, que apoia a candidatura do ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles à Presidência

  • segundo o diário, Temer afirmou na carta que o Brasil não precisa de “salvadores da pátria” nem de “inventores da roda”, mas sim de “alguém experiente que saiba o que fazer. E o Meirelles sabe. Já provou isso”
  • de acordo com O Estado, Temer confirmou que vai à convenção nacional do partido, marcada para quinta-feira próxima, em Brasília (DF), quando a candidatura de Meirelles deve ser oficializada
  • segundo Temer, “será importante para nossos candidatos a deputado estadual e federal, para senador e governador, ver o 15 do nosso MDB na disputa nacional”
  • imagem acima de Blogs O Globo

 

BRASIL/ECONOMIA

Em junho, setor público registrou deficit primário de 13,5 bilhões de reais; em 12 meses, resultado é negativo em 89,8 bilhões, equivalentes a 1,34% do PIB

O Banco Central (BC) divulgou a nota à imprensa “Estatísticas fiscais” (clique aqui) referente ao mês passado, segundo a qual o setor público consolidado (governo central, governos regionais e empresas estatais) registrou deficit primário de 13,5 bilhões de reais

  • nos primeiros seis meses deste ano, o resultado primário acumulado do setor público foi deficitário em 14,4 bilhões de reais, ante deficit de 35,2 bilhões registrado em igual período de 2017
  • no acumulado no intervalo de 12 meses até junho, o deficit primário atingiu 89,8 bilhões, equivalentes a 1,34% do PIB
  • o resultado nominal, que inclui o resultado primário e os juros nominais apropriados, foi deficitário em 57,9 bilhões, enquanto no acumulado em 12 meses, o deficit nominal atingiu 487 bilhões (7,28% do PIB)
  • imagem acima de Marketing Online

 

Balanço da Embraer aponta perda de 467 milhões de reais no segundo trimestre

A Embraer divulgou nesta terça-feira resultados do balanço do segundo trimestre deste ano, o qual registrou prejuízo líquido de 467 milhões de reais, ante lucro líquido de 200,9 milhões apurado no mesmo período de 2017

  • segundo o site do diário Valor Econômico, “a empresa sentiu o impacto de despesas financeiras líquidas maiores e perdas cambiais líquidas”
  • entre abril e junho, a despesa financeira líquida atingiu 151,6 milhões de reais (ante 36,9 milhões um ano antes), enquanto as perdas cambiais foram de 34,5 milhões de reais (22,8 milhões em igual intervalo de 2017)
  • imagem acima de IstoÉ Dinheiro

 

MUNDO/POLÍTICA

Trump afirma estar disposto a conversar com dirigentes do Irã

Durante entrevista coletiva conjunta (imagem acima, de Notícias ao Minuto) com o primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, realizada em Washington, o presidente dos EUA, Donald Trump, declarou que se reuniria com dirigentes do Irã “caso eles quisessem”, mas afirmou não saber “se estão prontos” para isso

  • sobre a política de imigração do governo italiano, que defende conter o fluxo migratório e cortar recursos de assistência a imigrantes, Trump disse estar “muito de acordo com o que estão fazendo a respeito da imigração e da imigração ilegal” e que outros países europeus deveriam o exemplo italiano

 

Secretário americano anuncia investimento estratégico na região do Indo-Pacífico para uma Ásia “livre e aberta”, sem domínio de nenhum país

O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo (imagem acima, de AFP PHOTO), anunciou, durante discurso pronunciado na Câmara de Comércio americana, que o país investirá 113 milhões de dólares no que denominou de “um adiantamento para uma nova era do compromisso econômico dos EUA com a paz e a prosperidade na região do Indo-Pacífico”

  • segundo artigo publicado pelo diário Valor Econômico, Pompeo disse tratar-se de um investimento estratégico na região, que será nos próximos anos a mais competitiva do mundo
  • o dirigente afirmou também que o governo americano quer uma Ásia “livre e aberta”, sem domínio de nenhum país, e que os EUA nunca tentaram, nem tentarão, “obter domínio no Indo-Pacífico, e nos oporemos a qualquer país que o fizer”
  • Pompeo informou que ainda nesta semana visitará Malásia, Cingapura e Indonésia

 

Em Pequim, após reunir-se com colega chinês, ministro britânico fala em “expandir a escala de comércio e investimento”

O ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Jeremy Hunt (imagem acima, de IstoÉ Dinheiro), declarou em Pequim, após reunião com o ministro das Relações Exteriores da China, , Wang Yi, que seus países “concordaram em aderir proativamente às estratégias de desenvolvimento e expandir a escala de comércio e investimento”

  • segundo o diário Valor Econômico, Wang afirmou que os países deveriam se opor ao protecionismo e defender o livre-comércio

 

Governo dos EUA responsabiliza presidente da Nicarágua pela violência que ocorre no país e pede antecipação de eleições

O governo dos EUA emitiu comunicado no qual responsabiliza o presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, e a primeira-dama e vice-presidente, Rosario Murillo (imagem acima, de SIC Notícias) , pela violência que ocorre no país desde abril passado, reitera pedido de eleições antecipadas e anuncia sanção a três funcionários do governo

  • no comunicado, o governo americano pede a devolução de carros que doou à polícia nicaraguense, alegando terem sido usados na repressão aos protestos contra Ortega
  • segundo o diário O Estado de S.Paulo, em entrevista à Euronews, divulgada nesta segunda-feira, Ortega disse que os EUA enviaram milhões de dólares a grupos locais, que estão sendo usados “para desestabilizar o país e estimular ações armadas”

 

Jornal dos EUA diz que Coreia do Norte continua a fabricar mísseis balísticos intercontinentais

O diário americano The Washington Post publicou em sua edição on-line, a informação atribuída a fontes anônimas ligadas a agências de espionagem dos EUA de que há sinais de que a República Democrática do Povo da Coreia (Coreia do Norte, DPRK, na sigla em inglês) está construindo novos mísseis balísticos intercontinentais (ICBM, na sigla em inglês) na mesma fábrica onde se concentrava a produção desses artefatos antes do encontro de 12 de junho último, em Cingapura, entre seu líder, Kim Jong Un, e o presidente Donald Trump

  • o jornal se refere às suas fontes como “autoridades familiarizadas com a inteligência” e mostra uma foto obtida por satélite comercial (acima), supostamente no dia 7 de julho, de uma instalação em Sanumdong, ao sul da capital, Pyongyang, mas diz que as agências de espionagem têm fotos próprias com evidências de atividade no local
  • a foto é creditada à empresa de sensoriamento remoto Planet Labs Inc., de São Francisco, California, e ao James Martin Center for Nonproliferation Studies, do Middlebury Institute of International Studies, em Monterey, também na California
  • diz o jornal que “evidências obtidas recentemente, incluindo fotos de satélite tiradas nas últimas semanas, indicam que estão sendo montados pelo menos um e possivelmente dois ICBMs movidos a combustível líquido”

 

MUNDO/ECONOMIA

China anuncia regras menos rígidas para estrangeiros investirem em empresas de capital aberto no país

O Ministério do Comércio da China publicou em seu site proposta de novas regras para facilitar os investimentos estrangeiros em empresas chinesas de capital aberto

  • segundo a agência de notícias oficial chinesa, Xinhua, as novas regras incluem a redução do tempo mínimo – dos atuais três anos para 12 meses – que os investidores são obrigados a se manter em participações estratégicas
  • os planos incluem também a redução – dos atuais 100 milhões de dólares para 50 milhões de dólares – da exigência mínima de ativos que os investidores estrangeiros devem possuir no exterior antes de adquirir ações de uma empresa de capital aberto
  • segundo a publicação digital The Espresso Economist, no entanto, os investidores estrangeiros também podem enfrentar avaliações de segurança nacional mais rígidas
  • imagem acima de AFP PHOTO

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *