FATOS RELEVANTES PUBLICADOS EM 30/05/2018

BRASIL/POLÍTICA

Temer e presidentes da Câmara e do Senado divulgam nota pedindo aos caminhoneiros que encerrem a paralisação

O presidente da República, Michel Temer, e os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), divulgaram nota conjunta pedindo aos caminhoneiros que voltem ao trabalho

  • no comunicado, os três afirmam que “há necessidade indispensável de abastecer todos os setores da economia nacional”, especialmente os que dizem respeito a alimentação, medicamentos e combustíveis
  • a nota afirma que Executivo e Legislativo se comprometem a “aprovar e colocar em prática, no menor tempo possível, todos os itens do acordo” celebrado na semana passada entre o governo e lideranças do movimento dos caminhoneiros
  • o Senado aprovou, em votação simbólica, projeto de lei que retira o setor hoteleiro, o comércio varejista (exceto calçados) e alguns segmentos industriais, como automóveis, da lista dos que contam com desoneração da folha de pagamentos, medida que possibilita o acordo com os caminhoneiros
  • também terá fim a desoneração da folha dos segmentos de transporte marítimo de passageiros e de carga, da navegação de apoio marítimo e de apoio portuário, de empresas que realizam operações de carga, descarga e armazenagem de contêineres em portos organizados, do transporte ferroviário de cargas e a prestação de serviços de infraestrutura aeroportuária
  • no total, o texto reonera, a partir deste ano, 28 dos 56 setores atualmente beneficiados e define que, a partir de 2021, haverá a oneração da outra metade
  • de acordo com o site do Senado (clique aqui), o texto também estabelece, até o final do ano, alíquota zero de PIS/Cofins incidente sobre o óleo diesel (segundo a nota, Temer, vetará essa parte do projeto, que segue para sanção)
  • imagem acima de Sul 21

 

BRASIL/ECONOMIA

Cai número de bloqueios em estradas e confederação de transportadores autônomos pede fim da paralisação de caminhoneiros

No nono dia de paralisação nacional dos caminhoneiros, os protestos continuam em rodovias em pelo menos 23 estados e no Distrito Federal, embora, de acordo com o corregedor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Célio Constantino, as forças federais tenham realizado 751 desinterdições nas estradas

  • segundo o portal de notícias G1, levantamento feito junto às autoridades de segurança mostra que o número de trechos com protesto caiu de 49 na última segunda-feira para 36 nesta terça-feira
  • de acordo com a Infraero, oito dos 54 aeroportos administrados pela estatal estavam sem combustível
  • o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) autorizou as distribuidoras de combustível Petrobras, Ipiranga e Raízen a compartilhar estrutura para acelerar o reabastecimento de postos de todo o Brasil
  • caminhões-tanque, sob escolta, a partir de refinarias, começaram a abastecer postos de combustíveis por todo o País
  • em nota (clique aqui), a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) pediu aos caminhoneiros o fim da paralisação, a fim de evitar “desgaste desnecessário”
  • de acordo com a nota, a entidade considera que, caso a paralisação continue, “as reivindicações atendidas correm o risco de se perder”
  • imagem acima de Tânia Rêgo/Agência Brasil

 

Presidente da Petrobras diz que política de preços da empresa pode ter mudança “de aspectos”; Temer fala em “reexaminá-la, mas com muito cuidado”

Pedro Parente (imagem acima, de Sergio Moraes/Reuters), presidente da Petrobras, declarou, durante teleconferência com analistas de mercado, que “pode ser que haja uma mudança em alguns aspectos na política de preços [da empresa, em decorrência da paralisação dos caminhoneiros], mas certamente nosso objetivo não é produzir redução no resultado econômico dessa política, isso está alinhado com o governo”

  • segundo o diário Valor Econômico, Parente disse que a Petrobras aguarda a redação de medida provisória e decreto presidencial que detalharão como se dará o reembolso à companhia pela subvenção de R$ 0,30 no preço do litro do óleo diesel
  • o presidente da estatal disse, referindo-se ao anúncio feito na semana passada, de redução de 10% nos preços do diesel, em resposta ao movimento dos caminhoneiros, que era preciso “fazer um movimento para abrir o diálogo entre o governo e os caminhoneiros”
  • mais tarde, durante entrevista à TV Brasil, o presidente da República, Michel Temer, declarou que o governo não quer alterar “a política da Petrobras […] podemos reexaminá-la, mas com muito cuidado”

 

Em abril, Governo Central registrou superavit primário menor que no ano passado; em 12 meses, deficit equivale a 1,84% do PIB

No mês passado, o Governo Central (Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social) registrou superavit primário de 7,2 bilhões de reais, informou a Secretaria do Tesouro Nacional (STN) por meio de nota (clique aqui)

  • em abril de 2017, o superavit alcançou 12,3 bilhões
  • o resultado acumulado deste ano aponta deficit primário de 5,4 bilhões de reais (no primeiro quadrimestre de 2017, o deficit atingiu 7,2 bilhões)
  • no período de maio do ano passado a abril último, o Governo Central registrou deficit de 124,9 bilhões de reais (equivalentes a 1,84% do PIB)
  • a STN estima que o resultado primário do Governo Central para este ano será deficitário em 152,8 bilhões de reais, equivalentes a 2,19% do PIB
  • imagem acima de Exame

 

Ministra do TST proíbe greve convocada por petroleiros

Maria de Assis Calsing, ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), atendeu liminarmente a pedido do governo federal e proibiu a greve de advertência de 72 horas, convocada pela Federação Única dos Petroleiros, prevista para ser iniciada nesta quarta-feira (imagem acima, de Marcos de Paula/Agencia O Globo)

  • a ministra estipulou multa diária de 500 mil reais à FUP em caso de descumprimento de sua decisão
  • segundo ela, “trata-se, a toda evidência, de greve de caráter político”, que “beira o oportunismo”, uma vez que as reivindicações apresentadas não têm caráter trabalhista
  • “A greve anunciada revela uma categoria forte e combatente, mas, no momento, despojada de toda e qualquer sensibilidade. É potencialmente grave o dano que eventual greve da categoria dos petroleiros irá causar à população brasileira, por resultar na continuidade dos efeitos danosos causados com a paralisação dos caminhoneiros”, escreveu Maria de Assis
  • a decisão – que, de acordo com nota divulgada pelo TST (clique aqui), “tem natureza provisória, enquanto o mérito não for analisado pelo colegiado da Seção de Dissídios Coletivos” da Corte – se deu em resposta a petição apresentada pela Petrobras e pela Advocacia-Geral da União (AGU)
  • segundo o diário Valor Econômico, a FUP informou, que não há riscos de desabastecimento ao País
  • de acordo com o jornal, a greve contará com o apoio de uma série de outras categorias ligadas às frentes Brasil Popular, Povo Sem Medo e às Centrais Sindicais, dentre as quais a Central Única dos Trabalhadores (CUT), Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e União Nacional dos Estudantes (UNE)

 

Desemprego no trimestre fevereiro-abril diminuiu 0,7 ponto percentual, informa IBGE

No trimestre móvel de fevereiro a abril deste ano, a taxa de desocupação atingiu 12,9%, 0,7 ponto percentual (p.p.) a menos do que a registrada em igual período de 2017 e 0,7 a mais do que a aferida no trimestre equivalente ao período de novembro de 2017 a janeiro de 2018, informou (clique aqui) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com base em dados da Pesquisa Nacional Por Amostra de Domicílio Contínua (Pnad Contínua)

  • no intervalo fevereiro-abril deste ano, a população desocupada chegou a 13,4 milhões, ante 14 milhões no mesmo período de 2017 e 12,7 milhões no trimestre novembro-janeiro
  • a população ocupada atingiu 90,7 milhões, 1,7% acima da registrada no trimestre fevereiro-abril do ano passado e 1,1% abaixo da do trimestre novembro-janeiro
  • o número de empregados com carteira de trabalho assinada foi de 32,7 milhões, 1,7% menor tanto na comparação com o registrado no período fevereiro-abril do ano passado quanto em relação a novembro-janeiro
  • o número de empregados sem carteira de trabalho assinada chegou a 10,9 milhões, 6,3% maior que o do trimestre fevereiro-abril de 2017 e estável em relação ao do intervalo novembro-janeiro
  • 23 milhões de pessoas foram classificadas na categoria dos trabalhadores por conta própria, número 3,4% maior do que o aferido no mesmo período do ano passado e considerado estável em relação ao do trimestre novembro-janeiro
  • o rendimento médio real habitual, de R$ 2.182 ao mês, foi considerado estável tanto em relação ao aferido em igual trimestre de 2017 quanto ao do intervalo novembro-janeiro
  • a massa de rendimento real habitual, de 193 bilhões de reais, também ficou estável em relação aos dois períodos de comparação
  • imagem acima de Gazeta Online

 

MUNDO/POLÍTICA

Coreia do Norte envia representante aos EUA para tratar do encontro de cúpula entre os dois países

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou em mensagem por Twitter, que o vice-presidente do Comitê Central do Partido dos Trabalhadores da República Democrática do Povo da Coreia (Coreia do Norte, DPRK, na sigla em inglês), Kim Yong-chol, “está a caminho de Nova York” para tratar da reunião de cúpula entre os dois países

  • segundo a agência oficial de notícias chinesa, Xinhua, a porta-voz do governo americano, Sarah Sanders, declarou que Trump considera que “as discussões em curso estão indo muito bem”
  • Sarah disse também que as reuniões de alto nível realizadas nesta semana foram “certamente sinais de progresso”
  • Kim deverá se encontrar em Nova York com o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, na que será, segundo a Xinhua, a terceira reunião entre eles (as outras duas ocorreram durante as visitas de Pompeo à DPRK, em abril e maio)
  • a Xinhua informou também que uma delegação dos EUA está reunida com funcionários da DPRK na zona desmilitarizada na fronteira entre as Coreias
  • imagem acima de Canaltech

 

Israel bombardeia Faixa de Gaza após lançamento de morteiros

Jatos israelenses bombardearam a Faixa de Gaza, horas depois de militantes palestinos lançarem cerca de 25 morteiros contra áreas localizadas no sul de Israel

  • segundo o portal G1, fontes do Exército israelense informaram que foram bombardeados campos de treinamento das organizações Jihad Islâmica e Hamas
  • fontes israelenses também informaram que os projéteis “foram interceptados pelo sistema antimísseis Cúpula de Ferro”, mas que um deles explodiu em uma escola infantil que estava fechada no momento
  • segundo a agência de notícias Reuters, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, por meio de comunicado, disse que “os militares responderão com força ao ataque com morteiros”
  • nenhum dos grupos armados da Faixa de Gaza assumiu a autoria do ataque
  • imagem acima de Thomas Coex/AFP PHOTO

 

Projetos para legalizar a prática da eutanásia são rejeitados pelo Parlamento de Portugal

Em sessão de votação, o Parlamento de Portugal não aprovou quatro projetos de lei que permitiam a prática da eutanásia no país

  • segundo o diário Folha de S.Paulo, nenhuma das propostas apresentadas recebeu os 116 votos necessários para aprovação
  • os projetos foram apresentados pelo Partido Socialista, que obteve 110 votos favoráveis; pelo Bloco de Esquerda, que recebeu 104 votos; pelos Verdes (PEV), também com 104; e pelo partido Pessoas Animais Natureza (PAN), com 102 votos
  • imagem acima de Armando Franca/AP Photo

 

MUNDO/ECONOMIA

EUA advertem que, sem solução para questões de propriedade intelectual, podem taxar produtos importados da China

Em artigo publicado nesta quarta-feira, o diário Valor Econômico informa que o governo dos EUA anunciou em comunicado que ainda poderá impor tarifas sobre 50 bilhões de dólares em produtos importados da China se aquele país não resolver os problemas de propriedade intelectual americana

  • segundo o artigo, os EUA prosseguirão com restrições a investimentos de empresas chinesas em seu território e à venda de produtos de alta tecnologia
  • detalhes sobre os produtos e as tarifas serão publicados em 15 de junho, e as medidas de restrição deverão ser anunciadas até 30 de junho
  • imagem acima de Sindivestuário

 

CIÊNCIA&TECNOLOGIA

Japão aprova testes em humanos de novo tratamento com células-tronco para regenerar coração doente

Pesquisadores da Universidade de Osaka receberam permissão do Ministério da Saúde do Japão para tratar pessoas com cardiomiopatia isquêmica grave, ou coração enfraquecido por artérias estreitadas ou bloqueadas que impedem o sangue de alcançar partes do músculo, com uma nova técnica que usa células-tronco pluripotentes induzidas (iPS, na sigla em inglês), informa a revista Nature em sua edição on-line de ontem.

  • a decisão do Ministério tornou-se pública em entrevista coletiva concedida em Tóquio, em 16 de maio último, da qual participou o cirurgião cardíaco Yoshiki Sawa, líder do grupo que conduzirá os ensaios em que células iPS serão enxertadas em corações humanos severamente danificados
  • as células iPS são criadas pela indução de células comuns, como as de pele e sangue, a um estado embrionário a partir do qual podem desenvolver outros tipos de tecidos
  • a técnica consiste em criar um disco fino, com 0,05 milímetro de espessura por 4 centímetros de diâmetro, com cerca de 100 milhões de células iPS de outras pessoas e colocá-lo junto ao tecido danificado do coração do paciente
  • a enorme quantidade de células iPS em contato com o tecido danificado é o que faz a principal diferença entre este experimento e outros já realizados com o implante de células-tronco, em quantidades da ordem de algumas centenas de milhares
  • as células iPS do disco fino não se integram ao tecido original do coração, mas enquanto são absorvidas pelo organismo, o que leva cerca de três meses, liberam proteínas que atuam como fatores de crescimento que ajudam a regenerar o músculo
  • a autorização é válida inicialmente para o tratamento de três pessoas até o próximo ano
  • a principal preocupação está na possibilidade de as células iPS virem a induzir câncer ou serem rejeitadas pelo sistema imunológico, riscos que se justificam diante da gravidade do estado dos pacientes
  • se os testes se mostrarem seguros, outras sete a dez pessoas poderão receber o mesmo procedimento
  • após isso, se houver ao menos alguns sinais de bom funcionamento, a técnica poderá ser vendida comercialmente conforme uma legislação de 2014 que visa acelerar a disponibilidade de procedimentos potencialmente salvadores de vidas, em casos muito graves, mesmo antes do cumprimento integral de todo o rito normalmente requerido para ensaios com humanos
  • imagem acima de The Mainichi; no detalhe, de Universidade de Osaka

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *