FATOS RELEVANTES PUBLICADOS EM 08/05/2018

BRASIL/POLÍTICA

STF nega pedido da defesa de Temer para arquivar de investigação sobre “Decreto dos Portos”

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou (clique aqui) pedido da defesa do presidente da República, Michel Temer (imagem acima, de Veja), para o arquivamento das investigações de supostas irregularidades na edição do chamado “Decreto dos Portos” e acatou pedido da Polícia Federal (PF), reforçado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para prorrogar por 60 dias a apuração das suspeitas de crimes cometidos pelo presidente

  • os advogados de Temer solicitaram o arquivamento do inquérito em janeiro último, após o presidente responder por escrito 50 perguntas formuladas pela PF
  • de acordo com o diário Folha de S.Paulo, procuradores que participam das investigações afirmaram que o presidente pode ser alvo de medidas cautelares assim que deixar o cargo e perder o foro privilegiado

 

Ministro do STJ encaminha ação contra governador da Paraíba, relacionada a eventos anteriores a seu mandato, à primeira instância

O ministro Luís Felipe Salomão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), enviou à primeira instância ação penal contra o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB) (imagem acima, de Portal S1), por considerar que os delitos imputados a Coutinho (crimes de responsabilidade) estão relacionados à época em que ele era prefeito de João Pessoa, em 2010, portanto anteriores ao seu mandato atual

  • até agora, todas as ações envolvendo governadores de estado eram julgadas pelo STJ
  • Salomão justificou seu ato aplicando o princípio da simetria, que obriga os estados a se organizarem de forma análoga à União e, sendo assim, a recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que restringiu o foro privilegiado de parlamentares federais a crimes cometidos durante e em razão do mandato, deve ter sua lógica repetida no STJ
  • de acordo com o diário Valor Econômico, o STJ deve decidir também se a limitação da prerrogativa também deve ser aplicada a conselheiros de tribunais de contas e desembargadores

 

Após acordo, Leonardo Boff visita Lula em sua cela em Curitiba

O teólogo Leonardo Boff visitou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso na superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR), durante 30 minutos, na condição de assistente espiritual

  • segundo diário O Estado de S. Paulo, após o encontro Boff declarou que Lula pediu para que passasse o recado de que ele continua “candidatíssimo” à Presidência da República
  • a visita foi possível graças a acordo celebrado na última quinta-feira entre a defesa do ex-presidente e a Superintendência do Departamento de Polícia Federal
  • segundo o diário Jornal do Brasil, Lula passará a receber assistência espiritual todas as segundas-feiras e visitas de dois “amigos” às quintas-feiras

 

BRASIL/ECONOMIA

A alta de 0,82% da cotação do dólar comercial, que fechou a R$ 3,553, o maior valor desde junho de 2016 (R$ 3,588)

  • imagem acima de Dimas Ardian/Bloomberg News

 

Produção de veículos cresceu 40,4% em abril

A produção de veículos automotores cresceu 40,4% no mês passado (266,1 mil) na comparação com abril de 2017 (189,5 mil), informou a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores na edição de maio da Carta da Anfavea (clique aqui)

  • na comparação com março último, houve redução de 0,5%
  • nos primeiros quatro meses deste ano, foram fabricados 965,87 mil veículos, 20,7% a mais do que no primeiro quadrimestre de 2017
  • no intervalo de 12 meses transcorrido entre maio do ano passado a abril último, a produção (2,86 milhões) aumentou 24,1% na comparação com a do período de maio de 2016 a abril de 2017
  • imagem acima de Mecânica Online

 

Em março, indicador de investimento do Ipea teve alta de 3,4%

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou (clique aqui) o Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF), que, em março passado, teve alta de 3,4% em relação ao mesmo mês de 2017

  • na comparação com fevereiro, a alta foi de 0,8%
  • no primeiro trimestre deste ano, na comparação com igual intervalo de 2017, foi registrada alta de 3,3%, enquanto em relação ao último trimestre de 2017, a subida foi de 0,3%
  • no período de 12 meses encerrado em março deste ano, comparado ao mesmo intervalo do ano anterior, houve queda de 0,1%
  • a FBCF é considerada o principal indicador do nível de investimento na economia

 

BRASIL/CONDIÇÕES DE VIDA

PF realiza operação para apurar irregularidades em fundo de pensão de ferroviários

A Polícia Federal (PF) realizou a “Operação fundo perdido”, com o objetivo de investigar a má gestão de recursos da Fundação Rede Ferroviária de Seguridade Social (Refer), fundo de pensão de empregados pertencentes a diversas empresas da área de transportes ferroviários

  • foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e seis mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Juízo da 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro
  • de acordo com nota divulgada pela PF (clique aqui), o inquérito policial, instaurado em 2014, apurou que, sob o pretexto de adequar-se à Resolução da Comissão de Valores Mobiliários n° 3.792/2009, a política de investimentos da Refer foi alterada
  • a alteração teria facilitado a realização de, ao menos, onze investimentos malsucedidos entre 2009 e 2016, num montante de mais de 420 milhões de reais, que resultaram em prejuízo estimado em quase 300 milhões de reais
  • além da PF, também participaram das investigações o Ministério Público Federal e a Superintendência Nacional de Previdência Complementar do Ministério da Fazenda (Previc)
  • de acordo com a agência de notícias Reuters, a Justiça determinou o afastamento cautelar de um diretor e de um gerente da Refer, assim como a apreensão dos passaportes de diversos empregados do fundo de pensão, além do bloqueio de bens e do afastamento de sigilo bancário e fiscal
  • imagem acima de O Imparcial

 

MUNDO/POLÍTICA

Ministro de Relações Exteriores britânico afirma que acordo nuclear com o Irã foi o melhor possível

O ministro de Relações Exteriores do Reino Unido, Boris Johnson (imagem acima, de The Journal), declarou, durante entrevista concedida ao programa de TV “Fox & Friends”, transmitido nos EUA, que o acordo nuclear com o Irã tem seus problemas, mas de todas as opções existentes para garantir que o país nunca obtenha uma arma nuclear, é o que oferece menos desvantagens

  • Johnson, que está em visita aos EUA, pediu que o presidente americano, Donald Trump, não abandone o acordo
  • o presidente iraniano, Hassan Rouhani, disse que o país está disposto a se manter no acordo, mesmo que os EUA saiam, mas precisa que a União Europeia ofereça garantias de que os benefícios acertados em 2015 continuarão valendo
  • Trump anunciou pelo Twitter que irá se pronunciar nesta terça-feira sobre o tema

 

Vice-presidente dos EUA anuncia sanções contra Venezuela e pede que eleição presidencial, a ser realizada neste mês, seja suspensa

Durante discurso pronunciado em sessão especial do Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington (EUA), o vice-presidente americano, Mike Pence (imagem acima, Marcos Brindicci/Reuters), anunciou sanções contra três cidadãos da Venezuela e 20 empresas venezuelanas por ligação com o narcotráfico e lavagem de dinheiro

  • segundo o diário O Estado de S.Paulo, Pence defendeu a expulsão da Venezuela da OEA e pediu que os governantes da América Latina se unam aos EUA e punam os venezuelanos ligados ao governo do presidente Nicolás Maduro, impondo, por exemplo, restrição à concessão de vistos
  • sobre a eleição presidencial venezuelanas marcadas para o próximo dia 20, Pence enviou um recado a Maduro: “Suspenda esse simulacro de eleição, realize eleições reais, dê ao povo da Venezuela escolhas reais, pois o povo da Venezuela merece viver em uma democracia de novo”
  • segundo O Estado, durante evento em Caracas, Maduro respondeu a Pence: “Nem que chova, troveja ou relampagueie, a Venezuela terá eleição presidencial”

 

No Líbano, Hezbollah e aliados podem conquistar maioria do Parlamento

O ministro do Interior do Líbano, Nuhad Machnuk (imagem acima, de G1 Globo), anunciou resultados oficiais parciais das eleições legislativas ocorridas neste domingo

  • segundo a agência de notícias Reuters, o movimento xiita Hezbollah e seus aliados conquistaram 67 dos 128 assentos no Parlamento
  • de acordo com o portal G1, o Corrente do Futuro, partido do primeiro-ministro Saad Hari, perdeu oito das 33 cadeiras que ocupava
  • Machnuk informou que falta contabilizar os votos do distrito de Akkar e que os resultados definitivos seriam anunciados em até 48 horas

 

MUNDO/ECONOMIA

Cotação do petróleo ultrapassa 70 dólares o barril pela primeira vez desde 2014

O diário Valor Econômico publicou na edição desta terça-feira artigo informando que os preços do petróleo nos EUA subiram acima de 70 dólares o barril pela primeira vez desde 2014, o que indicaria preocupação dos investidores, que estariam à espera de decisão do presidente americano, Donald Trump (imagem acima, de NBC News), sobre o acordo nuclear com o Irã

  • após Trump informar pelo Twitter que anunciará nesta terça-feira sua decisão sobre o acordo com o Irã, os preços recuaram
  • o contrato para o petróleo WTI para junho baixou de 70,73 dólares por barril para 69,99 dólares por barril
  • na Bolsa de Londres, o contrato do barril do petróleo tipo Brent fechou nesta segunda-feira a 76,17 dólares

 

Laboratório japonês anuncia oferta de 62 bilhões de dólares para associar-se a grupo sediado na Irlanda

O laboratório farmacêutico japonês Takeda anunciou que o grupo Shire, com sede na Irlanda, aceitou sua proposta de aquisição, apresentada em abril último, em transação equivalente a 62 bilhões de dólares, após quatro ofertas anteriores terem sido rejeitadas

  • segundo a agência de notícias Bloomberg, os acionistas da Shire deterão 50% do novo grupo
  • o Takeda pagará 30,33 dólares (25,43 euros) por ação em dinheiro e completará o total com a aquisição de novas ações ou por meio de instrumentos como os ADS (American Depositary Share), que são negociados nos EUA
  • caso a operação seja concretizada, informa a Bloomberg, a fusão das duas empresas formará o nono grupo mundial do setor em termos de faturamento
  • imagem acima de Alto Nivel

 

Nestlé fecha acordo para comercializar a marca de cafés Starbuck por mais de 7 bilhões de dólares

A Nestlé anunciou, por meio de comunicado, o fechamento de acordo para a compra dos direitos perpétuos de comercialização dos produtos da rede americana Starbucks, pelo que pagará 7,15 bilhões de dólares

  • o negócio não inclui cafeterias e bebidas prontas (embaladas)
  • no comunicado, segundo o diário Valor Econômico, o CEO da Nestlé, Mark Schneider, afirmou que “com Starbucks, Nescafé e Nespresso, reunimos três marcas icônicas no mundo do café”
  • o jornal relata que a marca Nescafé rende 10 bilhões de dólares ao ano (10% das vendas atuais da empresa); o Nespresso, 5 bilhões de dólares; e a marca Starbucks gera, fora de suas cafeterias, 2 bilhões de dólares anualmente
  • imagem acima de Financial Express

 

MUNDO/CONDIÇÕES DE VIDA

Procurador de Nova York, que atua contra abusos sexuais, pede demissão após ex-mulheres denunciarem agressões

O procurador-geral do estado de Nova York (EUA), Eric Schneiderman (imagem acima, de O Globo), anunciou sua demissão do cargo após a publicação de artigo, pela revista The New Yorker, que revelou acusações de ex-companheiras de Schneiderman por conduta violenta e ameaças

  • segundo o artigo, Schneiderman atuou no movimento contra abusos sexuais, iniciado nos EUA no ano passado, após denúncias contra o produtor cinematográfico Harvey Weinstein
  • o artigo relata que duas das mulheres, Michelle Manning Barish e Tanya Selvaratnam, afirmaram que Schneiderman as agrediu sem consentimento, frequentemente quando estavam na cama e depois de terem ingerido álcool, mas não o denunciaram à polícia
  • em nota à revista, Schneiderman negou os abusos e disse que “na intimidade de uma relação envolvi-me em um jogo de papéis e outras atividades sexuais consensuais”
  • o procurador disse que embora as acusações não estejam relacionadas a seu trabalho, elas o impedem de “dirigir a procuradoria neste período crítico”

 

CIÊNCIA&TECNOLOGIA

Morte do Sol será mais grandiosa do que se imaginava

Astrofísicos da Polônia, Reino Unido e Argentina publicaram ontem na edição on-line da revista Nature Astronomy artigo em que explicam o novo modelo computacional que desenvolveram para simular a morte de uma estrela com as características do Sol e concluir que, ao contrário do que se imaginava, em vez de minguar lentamente, o astro vai gerar uma “nebulosa planetária” que pode brilhar por 5 a 10 mil anos

  • o fim de uma estrela se dá com o esgotamento do seu estoque de hidrogênio, cujos núcleos se fundem espremidos pela atração gravitacional e irradiam a energia que compensa essa atração e a mantém estável na forma de uma bola de plasma quente e brilhante
  • sem hidrogênio suficiente, o Sol entraria em colapso e, em seguida, incharia em “gigante vermelha”, uma estrela de brilho relativamente tênue, menos densa, mas grande o suficiente para engolir Mercúrio e Vênus e ir se esfriando e desvanecendo lentamente
  • a equipe de astrofísicos conta esse final com mais detalhes por meio de novo modelo computacional que prevê que, depois de entrar em colapso, o Sol perderá cerca de metade de sua massa soprando as camadas mais externas a cerca de 20 km por segundo e com o núcleo ainda quente o suficiente para iluminar com luz ultravioleta e raios-x essa “casca” brilhante em expansão à qual se dá o nome de “nebulosa planetária”, como uma das que se veem na imagem acima, em amostra organizada por Judy Schmidt com fotos do Telescópio Espacial Hubble, da Nasa
  • os modelos anteriores preveem que o Sol perderá suas camadas externas no final da vida, mas indicam que o núcleo não será capaz de fazê-las brilhar antes de se dispersarem no gás e na poeira interestelares
  • esses modelos indicam que apenas estrelas com massa acima do dobro da do Sol poderiam formar nebulosas brilhantes, enquanto o novo modelo estabelece que apenas uma massa solar é o limite, o que daria explicação para um mistério de décadas:
  • nebulosas planetárias brilhantes estão presentes em antigas populações estelares, como galáxias elípticas e aglomerados globulares, onde prevalecem estrelas de baixa massa, praticamente na mesma proporção que se observa em galáxias espirais jovens, em que há maior concentração de estrelas grandes, muito grandes e gigantes, que duram menos, pois consomem mais rápido o estoque de hidrogênio

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *