FATOS RELEVANTES PUBLICADOS ENTRE 14/04 e 16/04/2018

Céu de Damasco se ilumina durante ofensiva dos Estados Unidos na Síria no início do dia 14 de abril, de AP Photo/Hassan Ammar Céu de Damasco se ilumina durante ofensiva dos Estados Unidos na Síria no início do dia 14 de abril, de AP Photo/Hassan Ammar

Coalizão liderada pelos EUA lança mais de 100 mísseis contra instalações na Síria

Leia mais

 

 

BRASIL/POLÍTICA

PGR denuncia Jair Bolsonaro por racismo e, seu filho, por ameaças a jornalista

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou (clique aqui) ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ) por racismo praticado contra quilombolas e indígenas durante discurso realizado em palestra proferida no Clube Hebraica do Rio de Janeiro, em abril do ano passado, o qual, segundo a PGR, continha “expressões de cunho discriminatório, incitando o ódio e atingindo diretamente vários grupos sociais”

  • entre os grupos atingidos por Bolsonaro (imagem acima, de Jornal do Brasil) encontram-se ainda refugiados, mulheres e LGBTs
  • se condenado, o deputado e pré-candidato à Presidência da República poderá cumprir pena de reclusão de um a três anos e ter que pagar multa no valor mínimo de 400 mil reais por danos morais coletivos
  • no discurso, o deputado disse ter cinco filhos, quatro dos quais do sexo masculino e, segundo ele, “a quinta eu dei uma fraquejada e veio uma mulher”
  • Bolsonaro disse que os índios eram responsáveis pela não construção de três hidrelétricas em Roraima e criticou as demarcações de terras indígenas
  • segundo o parlamentar, os quilombolas “não fazem nada” e “nem para procriador eles servem mais”
  • Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidenciável e igualmente deputado federal, também foi denunciado pela PGR por ofender e ameaçar a jornalista Patrícia Lélis (que trabalhava para o PSL) por meio do aplicativo de mensagens Telegram, após ela ter negado que era namorada dele
  • neste caso, a pena prevista é de um a seis meses de detenção, mas pode ser convertida em medidas alternativas, desde que sejam preenchidos os requisitos legais

 

Inquérito sobre Marconi Perillo é encaminhado à Justiça Federal de Goiás

O ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STF), encaminhou à Justiça Federal de Goiás, na última sexta-feira, inquérito, baseado em delações de executivos da empreiteira Odebrecht, contra Marconi Perillo (PSDB), ex-governador goiano, que perdeu o foro privilegiado ao deixar o governo para candidatar-se a uma vaga no Senado nas próximas eleições

  • o pedido do inquérito foi feito pelo Ministério Público Federal (MPF) e, segundo o diário O Estado de S.Paulo, os delatores revelaram que Perillo pediu, durante almoço com executivos da empresa, uma contribuição de 50 milhões de reais para a campanha de 2014, em troca do aumento do número de obras da companhia no estado (esse valor foi repassado ilegalmente, na forma de caixa 2)
  • de acordo com o jornal, a defesa do ex-governador informou que “prossegue acompanhando as ações, demonstrando que elas são improcedentes e confiando no Poder Judiciário”

 

BRASIL/ECONOMIA

Em fevereiro, setor de serviços teve queda de 2,2%, informa IBGE

O volume de serviços registrado em fevereiro passado foi 2,2% inferior ao do mesmo mês de 2017, informou na última sexta-feira (clique aqui) o Instituto Brasileiro de geografia e Estatística (IBGE)

  • no intervalo de 12 meses encerrado em fevereiro, a baixa acumulada foi de 2,4%
  • em relação a janeiro deste ano, ocorreu alta de 0,1%
  • imagem acima de Poder 360

 

BRASIL/CONDIÇÕES DE VIDA

Governadora de Roraima pede no STF que a União feche a fronteira com a Venezuela

Na sexta-feira, a governadora de Roraima, Suely Campos (imagem acima, de BNC Roraima), ajuizou ação no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo à União que feche temporariamente a fronteira entre o Brasil e a Venezuela para impedir a entrada desordenada de cidadãos venezuelanos no estado

  • na Ação Civil Originária (ACO) 3121, distribuída para a ministra Rosa Weber, Suely afirma, segundo o site do STF (clique aqui), que os mais de 50 mil refugiados que hoje se encontram na capital roraimense, Boa Vista, produzem “incalculável impacto econômico”
  • a governadora requer também que a União adote medidas administrativas nas áreas de controle policial, saúde e vigilância sanitária e transfira imediatamente recursos adicionais para suprir os custos suportados pelo estado
  • segundo a governadora, desde o início de 2015 aproximadamente 50 mil venezuelanos ingressaram no território brasileiro por via terrestre, principalmente por Pacaraima (RR)

 

Manifestações no Brasil e em outros países marcaram o primeiro mês dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes

Para marcar a data de um mês desde o assassinato da vereadora carioca Marielle Franco (Psol) e do motorista Anderson Gomes, criadores do site mariellefranco.com organizaram no último sábado, em várias cidades do País, a realização do ato conjunto denominado “Amanhecer por Marielle e Anderson”

  • de acordo com o site (clique aqui), foram organizados 134 atos em vários locais do País
  • na cidade do Rio de Janeiro (RJ) ocorreram manifestações em diversos bairros
  • em São Paulo (SP) houve concentração no vão do Museu de Arte de São Paulo e caminhada pela avenida Paulista
  • em Uberlândia (MG), manifestantes levaram girassóis para o centro da cidade e pediram por agilidade nas investigações
  • grupos se reuniram em protestos em Budapeste (Hungria), Buenos Aires (Argentina), Gotemburgo (Suécia), Lima (Peru), Lisboa (Portugal), Londres (Reino Unido), Quebec (Canadá), entre outras cidades do mundo
  • imagem acima de Veja Rio

 

MUNDO/POLÍTICA

Coalizão liderada pelos EUA lança mais de 100 mísseis contra instalações na Síria  

A porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA (Pentágono), Dana White, declarou durante entrevista coletiva à imprensa (imagem acima, de AP Photo/Alex Brandon), em Washington, neste sábado, que o bombardeio realizado horas antes a posições do território da Síria foi pontual, que novas investidas só acontecerão se ocorrerem outros ataques químicos por parte do governo sírio e que a “a missão dos EUA continua a ser a de derrotar o Estado Islâmico”

  • a declaração ocorreu após ofensiva da coalizão de forças aéreas e da marinha de EUA, França e Reino Unido, deflagrada durante a madrugada do sábado (horário da Síria), em retaliação a suposto ataque químico do governo sírio contra a cidade de Duma, enclave rebelde próximo a Damasco, no fim da semana passada
  • durante a entrevista, o general Kenneth McKenzie, do Comando das Forças Armadas americano, disse que 105 mísseis foram lançados por aviões e navios de guerra da coalizão, os quais alcançaram seu objetivo de atingir três alvos (um centro de pesquisa e produção de armas químicas e biológicas, em Damasco; um depósito de armas químicas e uma base, que armazenaria armas químicas, ambos localizados em Homs)
  • McKenzie disse que não houve vítimas civis, mas a agência de notícias oficial da Síria, Sana, informou que três pessoas ficaram feridas
  • de acordo com o Departamento de Defesa, após o ataque os sistemas de defesa sírios reagiram, atingindo 13 mísseis em Al Kiswah, nos subúrbios de Damasco
  • segundo artigo publicado no site do diário Valor Econômico, no sábado, militares russos disseram que os sistemas de defesa aérea síria derrubaram 71 dos mísseis lançados pela coalizão
  • de acordo com o diário O Estado de S.Paulo, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, declarou que “os EUA agravaram mais a catástrofe humanitária da Síria”
  • segundo o jornal, o Ministério da Defesa russo declarou em comunicado que “nenhum dos mísseis de cruzeiros entrou na zona de sistemas de defesa aérea russos”
  • no sábado, Trump, além de agradecer França e Reino Unido, escreveu no Twitter: “missão cumprida”
  • reunião extraordinária do Conselho de Segurança das Nações Unidas (ONU) realizada no mesmo dia rejeitou, com oito votos contrários, quatro abstenções e três votos favoráveis (Rússia, China e Bolívia) resolução condenando o ataque à Síria
  • a embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley, declarou, durante entrevista à Fox News, no domingo, que antes da retirada dos 2 mil militares americanos estacionados na Síria, anunciada por Trump no início deste mês, é necessário garantir que as armas químicas não sejam usadas, que o Estado Islâmico seja derrotado e que o Irã não amplie sua presença na área

 

Cúpula das Américas pede eleição presidencial venezuelana com participação da oposição

Declaração conjunta divulgada no último sábado, no encerramento da Cúpula das Américas (imagem acima, de Clauber Cleber Caetano/PR), em Lima (Peru), firmada pelos representantes dos 16 países participantes, afirma que as eleições gerais, marcada para ocorrerem na Venezuela no dia 20 do mês que vem, não terão legitimidade e credibilidade sem a participação da oposição

  • no texto, os líderes pedem “eleição presidencial com garantias necessárias para um processo livre, justo, transparente e democrático, sem presos políticos, que inclua a participação de todos os atores políticos venezuelanos”
  • segundo o diário O Estado de S.Paulo, o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, representando o presidente Donald Trump, disse que seu país prepara mais sanções contra a Venezuela e anunciou uma ajuda adicional de 16 milhões de dólares para refugiados venezuelanos
  • na abertura do encontro, na sexta-feira passada, o presidente do Peru, Martin Vizcarra, discursou contra a corrupção, afirmando que “sete a cada dez habitantes do hemisfério […] avaliam como ruim o desempenho de suas autoridades na luta contra a corrupção”
  • Vizcarra assumiu o governo em março, após a renúncia do presidente Pedro Pablo Kuczynski, acusado de corrupção

 

Manifestação em Barcelona pela libertação de líderes separatistas reúne mais de 300 mil

Mais de 300 mil pessoas participaram neste domingo de manifestação em Barcelona (Espanha) pela libertação de nove líderes do movimento separatista da Catalunha, que estão detidos há seis meses pelo governo espanhol sob as acusações de rebelião, mau uso do dinheiro público e organização de referendo que levou à declaração de independência da região em outubro do ano passado

  • segundo o portal de notícias G1, o protesto foi convocado por uma plataforma criada para “defender as instituições catalãs” e “os direitos e liberdades fundamentais” e teve apoio do sindicato Comisiones Obreras e da central sindical UGT
  • a Catalunha está sob o comando do governo central espanhol desde que a justiça da Espanha determinou a ilegalidade da independência da região autônoma
  • imagem acima de Alberto Estévez/EFE

 

Para o governo do Equador, jornalistas sequestrados por dissidentes das Farc foram mortos na Colômbia

O ministro do Interior do Equador, César Navas, declarou, durante entrevista concedida ao canal NTN24, da Colômbia, que os jornalistas sequestrados por dissidentes do grupo guerrilheiro Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) “estavam em território colombiano, estão em território colombiano”, e “foram assassinados em território colombiano”

  • a declaração foi feita após o presidente equatoriano, Lenín Moreno, ter confirmado, na última sexta-feira, a morte da equipe de imprensa, sequestrada em 26 de março passado, em Mataje, na fronteira com a Colômbia
  • segundo o diário O Estado de S.Paulo, os dois países dão informações contraditórias sobre o local onde a equipe foi capturada e executada
  • o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, afirma que os reféns foram sequestrados e assassinados no Equador
  • durante a entrevista, Navas disse que o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) está realizando uma ação para a recuperação dos corpos, a qual “não tem data” de término
  • na imagem acima, homenagem a jornalistas sequestrados por dissidentes do grupo guerrilheiro Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), de AFP

 

CIÊNCIA&TECNOLOGIA

No cinquentenário de 2001, Uma odisseia no espaço, União Astronômica Internacional homenageia Stanley Kubrick e Arthur Clarke dando seus nomes  a montanhas em Caronte, lua de Plutão

A União Astronômica Internacional (UAI) divulgou em 4 de abril último sua primeira lista de nomes oficiais atribuídos a diversos aspectos da topografia de Caronte, a maior das cinco luas de Plutão, entre os quais estão os do diretor de cinema Stanley Kubrick e do escritor e roteirista Arthur Clarke, autores de 2001, Uma odisseia no espaço, filme lançado em 1968 para se tornar o marco inaugural da moderna ficção científica no cinema

  • estrelado pelo ator Gary Lockwood, o roteiro de 2001 foi escrito a quatro mãos por Kubrick e Clarke, este o autor da obra que inspirou o filme, o conto The Sentinel (escrito em 1948, publicado em 1951)
  • o mapa em projeção do setor de Caronte que se vê acima foi produzido a partir de fotos enviadas em 2015 pela sonda New Horizons, lançada pela Nasa em 2006
  • Arthur Charles Clarke (Inglaterra, 1917 – Sri Lank, 2008) inaugurou seu talento como ficcionista ao propor em 1945, em texto publicado na revista Wireless World, o uso de um foguete derivado das bombas V2 criadas pela Alemanha na Segunda Guerra Mundial para colocar numa órbita a cerca de 36 mil quilômetros de altitude um satélite geoestacionário de comunicações (órbita de Clarke, como seria chamada), o que se tornaria realidade em 1965, quando entrou em operação o primeiro satélite desse tipo, o Intelsat I
  • Stanley Kubrick (EUA, 1928 – Inglaterra, 1999), produziu e dirigiu outros ícones do cinema como Spartacus (1960), Dr. Strangelove (1964), A Clockwork Orange (Laranja mecânica, 1971) e Eyes Wide Shut (De olhos bem fechados, 1999), este seu último trabalho
  • outros eventos nas últimas semanas também registraram o cinquentenário de 2001
  • uma reprodução do cenário da última cena do filme foi inaugurada no Museu de Aeronáutica e Espaço, em Washington, DC
  • a editora americana Simon & Schuster lançou uma história dos bastidores do filme (Space OdysseyStanley Kubrick, Arthur C. Clarke, and the Making of a Masterpiece) em livro de Michael Benson, com resenhas publicadas na revista Science e no jornal britânico The Observer
  • imagem acima de NASA/Johns Hopkins University Applied Physics Laboratory/Southwest Research Institute (no alto)
  • nas imagens abaixo, capa do LP original com a trilha sonora do filme (MGM Records & Deutsche Grammophon), Stanley Kubrick com o ator Gary Lockwood no set de filmagem (MGM/Ronald GrantAlamy Stock Photo) e Arthur Clarke em 1965 (ITU Pictures)

 


Comente

Uma resposta para “FATOS RELEVANTES PUBLICADOS ENTRE 14/04 e 16/04/2018”

  1. Luiz Marcos M Gomes disse:

    E a pesquisa Datafolha sobre eleições presidenciais, divulgada no domingo, não foi um fato relevante?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *